Entre o Sol e a Lua

entre-o-sol-e-a-lua-capa

Joana e cresce em uma cidade no interior de São Paulo e, para dar um novo rumo em sua tumultuada vida, aceita um emprego em uma multinacional no Rio de Janeiro. Seu objetivo era construir uma nova vida, até se deparar com Cauã.

Cauã (Entidade do Sol), reencontra Jaci, sua lua e amor milenar. Estranhando que Joana não tem idéia de que ela é, de fato, Jaci (Entidade da Lua), ele planeja, a princípio, elucidá-la. Também pretende reconquistá-la, com calma. Ao notar sua vulnerabilidade, e pior, ao constatar existe um encanto que o impede de tocá-la, muda de estratégia.

Personagens mitificados, em meio a um enredo intrigante, contemporâneo, brasileiro, universal, mágico e humano. “Entre o Sol e a Lua” convida o leitor a explorar um amor sem limites.

 

Entenda melhor.

O Processo de Criação

Em diversos momentos, durante o processo de escrita, a autora encontra-se inteiramente transportada à realidade do enredo. Então, as cenas, ou os personagens, acabam ganhando vida em forma de desenhos, ou quadros. Outros momentos os quadros invadem a realidade do enredo.

Veja alguns dos quadros inspirados no livro “Entre o Sol e a Lua” – 1º da Série Esmeralda..